Mesmo diante de um número crescente e assustador de pessoas contaminadas pelo Covid 19, e poucos leitos disponíveis para tratamento das pessoas em estado mais grave, a prefeitura de Camaçari autoriza reabertura parcial das atividades comerciais no centro da cidade. Para alguns estabelecimentos nada mudou, pois os mesmos permanecem abertos desde de o inicio da pandemia, driblando a fiscalização que por sua vez continua deficiente durante todo esse período.
O dia foi marcado com bloqueios e mudanças de sentidos em algumas vias, e de vários congestionamentos no centro da cidade, além de inúmeras filas e aglomerações em algumas lojas, que por sinal não estavam cumprindo as medidas de proteção contra o coronavírus, uma verdadeira bagunça e o mínimo de fiscalização.
É importante conscientizar a população de que a flexibilização requer cuidados dobrados, pois já foi comprovado em outras cidades do país, um aumento acelerado no número de casos após a flexibilização. Alguns países da Europa temem uma possível “segunda onda” após novos surtos de coronavírus. “Embora nenhum país esteja livre desse fenômeno, o aumento de casos é alimentado por altas taxas de infecção em países densamente povoados das Américas e do sul da Ásia”, afirmou a Organização Mundial da Saúde (OMS) em comunicado, até o último sábado (25), mais de 15,7 milhões de casos foram confirmados em todo o mundo, além de mais de 640 mil mortes, segundo dados da Universidade Johns Hopkins. Em Camaçari, a curva do número de casos confirmados e mortes continua ascendente nas duas esferas, e causa preocupação pois esse número pode aumentar ainda mais após a reabertura parcial do comercio da cidade, sem um planejamento adequado de controle dos índices de contaminação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here